16 / 08 / 2018 - as 10:11

Os indícios são fortes de que o Programa do Governo Federal Luz Para Todos está sendo usado como moeda de troca de votos no município de Jatobá do Piauí. Algumas pessoas ligaram para a produção do portalfato e da Rádio Meio Norte de Campo Maior afirmando que a empresa Pretel  estaria realizando a obra de forma inadequada. Segundo o lider comunitário Julivan Silva  essa questão está sendo denunciada junto ao Ministério Público e à direção da Eletrobrás. "Estou aqui para denunciar que a empresa responsável usa as pessoas beneficiadas para prestar serviço de roço e de escavação de buracos sem receber pagamento nenhum pelo serviço. Elas estão fazendo por que estão vulneráveis e precisando muito da energia em suas casas", afirma Julivan.
Outra denúnica vinda do lider comunitário e checada com outras fontes que conhecem muito bem o municipio é que alguns políticos como Vereadores, Suplentes e até Prefeitos tentam ludibriar os eleitores dizendo que essas obras acontecem por que eles conseguiram em Brasília. Mas as autoridades alertam que esse programa vem desde a gestão do Ex-Presidente Lula e tudo que eles estão dizendo é pura mentira para conseguir votos.
As denúnicas estão sendo checadas pelo Ministério Público e os responsáveis serão penalizados já que a Luz Para Todos é uma conquista das famílias que sofrem sem esse serviço tão essencial.
Um exemplo disso é o senhor João Miguel do povoado Baixão da Audiência que liga para a Rádio Meio Norte toda semana perguntando aos coordenadores do Programa. "Quando eles irão colocar luz na minha casa. Nós estamos sonhando a anos e até agora eles tem feito ouvido de mercador. Tem energia próximo daqui e essas casas aqui nunca receberam. É estranho isso por que algumas famílias ganharam e a minha nãso foi contemplada", afirma Miguel.

16 / 08 / 2018 - as 09:46

Mais de 23 mil candidatos a presidente, governador, senador e deputado federal, estadual e distrital vão disputar os votos de 147,3 milhões de eleitores brasileiros, segundo dados disponíveis no portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Encerrado o prazo para registrar as candidaturas, 13 nomes se apresentaram para disputar o Palácio do Planalto em outubro.

Para governador, segundo a última atualização do Sistema de Divulgação de Candidaturas e de Prestação de Contas, 171 candidatos pediram registro. Desses, 17 disputam a reeleição. O PSOL foi o partido que lançou o maior número de candidatos a governador, seguido do PSTU e do PT.

O TSE contabiliza até agora 6.982 candidatos para disputar as 513 vagas de deputado federal. Para deputado estadual e distrital, são 15.605 concorrentes a 1.059 vagas nas assembleias legislativas e na Câmara Legislativa do Distrito Federal. Mais 295 concorrem a 54 cadeiras no Senado.

Considerando o total de 23.812 candidatos a todos os cargos em disputa nas eleições de outubro, o PSL foi o partido que apresentou o maior número de concorrentes (1.259), seguido do PSOL (1.201), do PT (1.075) e do MDB (1.009). Desse contingente, 30,6% são mulheres, cumprindo a meta prevista na legislação.

Quase a metade dos candidatos têm ensino superior e 55% são casados. A maioria tem entre 35 e 59 anos de idade, mas há 50 candidatos na faixa de 80 a 84 anos.

O total de candidatos em 2018 é menor que o registrado em 2014 (26.162). Os dados podem sofrer ajustes conforme a Justiça Eleitoral vá julgando os pedidos de registro.

Fonte: Agência Brasil

 


16 / 08 / 2018 - as 09:44

Weslley Marlon Silva, acusado de efetuar os disparos que mataram o cabo do Batalhão de Operações Especiais (Bope) Claudemir de Sousa, foi morto durante troca de tiros com a polícia no Parque Eliane, na Zona Sul de Teresina. Ele chegou a ser socorrido, mas morreu na tarde desta quarta-feira (15) ao ser atendido no Hospital de Urgência de Teresina (HUT).

"A Polícia Civil foi entregar uma intimação contra outro indivíduo no Parque Eliane, mas o Weslley pensou que era para ele e quando viu os policiais civis foi logo atirando e os agentes revidaram. Ele foi atingido com um tiro na cabeça e morreu no hospital", informou o subnente Carlos, da Companhia do Promorar.

O acusado estava em liberdade desde janeiro, após decisão do juiz Antônio Reis de Jesus Nollêto de que ele e os outros indiciados estavam há mais de um ano presos e que atenderam aos atos processuais para o que foram intimados. Foram denunciados pelo crime Leonardo Ferreira Lima, Maria Ocionira Barbosa de Sousa, José Roberto Leal da Silva, conhecido como Beto Jamaica, Weslley Marlon Silva, Francisco Luan de Sena, Igor Andrade de Sousa, Thaís Monait Neris de Oliveira e Francisco Luan de Sena.

Crime encomendado

Claudemir Sousa, 33 anos, estava saindo da academia onde treinava quando foi abordado pelos criminosos. No dia seguinte cinco pessoas foram presas, entre elas um homem que usava tornozeleira eletrônica. A investigação da Polícia Civil e do Ministério Público apontou que Leonardo Ferreira Lima e Maria Ocionira Barbosa de Sousa encomendaram a morte da vítima. Os suspeitos mantinham um relacionamento amoroso e eram parceiros em supostas fraudes ao INSS.

A peça do MP defende que, temendo que a reaproximação prejudicasse sua relação amorosa e financeira, os acusados planejaram o homicídio e ofereceram R$ 20 mil aos executores. A negociação foi intermediada pelo acusado José Roberto Leal da Silva, conhecido como Beto Jamaica, que contratou Weslley Marlon Silva, Francisco Luan de Sena e Igor Andrade de Sousa para a execução.

A denúncia aponta ainda Thaís Monait Neris de Oliveira, que serviu de 'olheira' para avisar quando a vítima saísse da academia.

Fonte: G1Pi

 

 

 

 


16 / 08 / 2018 - as 09:39

Criminosos explodiram na madrugada desta quinta-feira (16) a agência da Caixa Econômica em Altos, a km de Teresina. Segundo a polícia, os suspeitos ficaram no centro da cidade atirando para cima na tentativa de intimidar os policiais e fugiram levando moradores de reféns.

"A ação aconteceu por volta das 3h30, com 12 homens fortemente armados. Eles foram até a agência e ficaram atirando para cima na tentiva de intimidar a polícia. Alguns pedestres que passavam pelo local foram feitos reféns e acabaram sendo levados pelo bando, que fugiram em direção a Beneditinos", informou o agente Francisco Soares, da Delegacia de Altos.

A Polícia Militar deslocou equipes Bope, Rone e Força Tática para a região. "Não temos informações da quantia levada, detalhes do roubo e rota de fuga dos suspeitos ainda", informou o coronel Márcio Oliveira, comandante geral de operações da PM.

Esta é a terceira ação criminosa contra bancos em Altos somente este ano. A primeira vez foi em janeiro e a segunda em julho.

fonte: G1PI

 

 


16 / 08 / 2018 - as 08:41

A Escola Superior de Advocacia do Piauí (ESA-Piauí) está com inscrições abertas para o primeiro módulo do curso “Práticas Extrajudiciais na Advocacia Moderna”, com o tema “Inventário, Divórcio e Reconhecimento de União Estável”, que ocorrerá nas Subseções da OAB em Campo Maior, Piripiri, Barras e Parnaíba.
 
Com vagas limitadas, o curso terá como palestrante a advogada Valeria Helena Castro Fernandes de Almeida Silva, advogada especialista em Registros Públicos, e certificará os participantes em 08 horas/aula.
 
Os interessados em participar podem se inscrever pelo site www.oabpi.org.br/portaldoaluno e fazer um investimento no lavor de R$ 50,00. Ouras informações: (86) 2107-5823/ 5828.
 
Sobre a palestrante:
 
Valeria Helena Castro Fernandes de Almeida Silva é Bacharel em Direito pela Universidade Federal do Acre – UFAC, Especialista em Direito Público pela União Educacional do Norte – UNINORTE, Especialista em Direito Ambiental pela Universidade Federal do Mato Grosso – UFMT, Especialista em Direito Notarial e Registral pelo Instituto Luiz Flávio Gomes, Especialista em Direito Civil pelo Instituto Luiz Flávio Gomes, Especialista em Registros Públicos pela Universidade Cândido Mendes, Especialista em Direito Constitucional pela Universidade Cândido Mendes. Mestranda em Ciências Jurídicas pela Universidade Autônoma de Lisboa. Advogada.
 
Calendário dos cursos:
 
22/08, 14h às 22h - Auditório do Espaço Cidadania de Campo Maior
 
23/08, das 08h às 18h - Vara do Trabalho de Piripiri
 
28/08, das 08h às 18h - Câmara Municipal de Barras
 
31/08, das 08h às 18h - Sede da Subseção da OAB/Parnaíba

16 / 08 / 2018 - as 08:36

Entre os dias 26 a 29 de setembro ocorrerá um dos maiores eventos do calendário acadêmico da Faculdade Chrisfapi, a IX Semana de Iniciação Científica, com apresentação de palestras, minicursos e apresentação de trabalhos científicos. 
 
A ação é promovida anualmente e conta com a participação efetiva dos coordenadores, professores e alunos. O que o transforma em uma grande troca de conhecimentos.
Confira o edital pelo link: http://www.chrisfapi.com.br/v3/editais/finish/6-editais-e-publicacoes/1324-edital-0112018-ix-semana-de-iniciacao-cientifica-da-chrisfapi--2018
 
 CERTIFICAÇÕES:
 
·         Participação no evento: 40 horas
 
·         Participação em minicurso: 4h
 
·         Apresentação de trabalho Científico: 20h
 
·         Modalidade pôster: 10h
Todos esses documentos são úteis na hora de disputar vagas em cursos de pós-graduação (lato sensu e stricto sensu) e em concursos públicos. Além disso, é o passo inicial para quem deseja inserir-se em uma carreira acadêmica. 
 
Informações: chrisfapi.com.br ou pelo número (86) 3276-2981
Faculdade Chrisfapi
 
O caminho certo para o seu futuro!

15 / 08 / 2018 - as 12:29

A Secretaria de Segurança Pública do Piauí continua nesta quarta (15) a Operação Piauí Seguro, uma integração entre a Polícia Civil e a Polícia Militar com o objetivo de levar a sociedade tranquilidade tirando de circulação acusados de crimes como tráfico e roubos, e ainda apreender drogas e armas. Nesta terça, a Operação teve início e realizou 18 prisões em Teresina e Timon.
 
No início da manhã, a Operação tem como alvo 15 locais na zona Norte de Teresina para cumprimento de mandados de busca e apreensão. O Secretário de Segurança, Cel Rubens Pereira e o Delegado Sebastião Alencar, titular do 7. DP; Cel Márcio, Coordenador de Operações da PM e o Comandante do Policiamento Especializado, Cel Sousa Filho e os demais policiais envolvidos na Operação estarão disponíveis para atender a imprensa no 7°. DP onde serão conduzidos os presos e material apreendido na Operação Piauí Seguro. O Distrito fica localizado no Bairro Parque Alvorada, na Rua Monteiro Lobato 1293, zona Norte da capital.
 
 

15 / 08 / 2018 - as 10:53

A Câmara de Campo Maior aprovou por unanimidade nesta terça-feira (14/08) um projeto de resolução que altera o horário das sessões ordinárias no legislativo municipal. Atualmente, os vereadores se reúnem em plenário toda terça-feira, às 19:30. Com a aprovação, o encontro permanece no mesmo dia, mas ocorre às 16h.

O presidente da Câmara, vereador Fernando Miranda, explica que a alteração no horário busca atrair maior presença da população e maior espaço de tempo para a sessão. “É melhor para as pessoas estarem presentes e os vereadores sentiram que é um horário mais adequado, porque muitas das vezes entrávamos aqui 19:30 e íamos até 10h, 11h. Agora começando 16h podemos avançar pela noite. Teremos mais tempo”.

O vereador Daniel Soares comemorou a mudança ao justificar que a sociedade vai poder acompanhar mais de perto as atividades paramentares. Ele comenta ainda que a insegurança à noite inibia a população a participar da sessão. “As pessoas trabalham e a noite querem descansar para o outro dia. Também tem a questão da segurança. Convoco agora a população para vir a sessão”.

Já o vereador Neto dos Corredores lembrou que a sessão a noite concorre com outras atividades realizadas na cidade. “À noite as pessoas têm outros compromissos, preferem participar de outras situações que a cidade oferece e ficamos aqui na sessão com o plenário vazio em quase todas as sessões”.

 



PUBLICIDADE